Destinadas a profissionais com curso superior, oportunidades no concurso Marinha estão distribuídas entre os nove Distritos Navais do Brasil. Remuneração supera os R$ 10 mil

Começaram nesta quarta-feira (23) as inscrições do concurso Marinha destinado a preencher quase 400 vagas de nível superior para o Serviço Militar Voluntário (SMV) de oficiais. Foram divulgados editais pelos nove Distritos Navais do país.

Há oportunidades para profissionais com formação em medicina, odontologia, enfermagem, nutrição, fisioterapia, fonoaudiologia, farmácia, administração, ciências contábeis, comunicação social, direito, informática, psicologia, serviço social, pedagogia, engenharia, educação física, arquitetura e urbanismo, geografia, ciências naturais, informática, sistemas de navegação, história, letras – inglês, letras – português, biologia, musicoterapia, arquivologia, biblioteconomia, museologia e meteorologia.

A carreira militar é iniciada no posto de guarda-marinha, com vencimentos na faixa de R$ 9.000. Com a progressão automática por tempo de serviço, os valores sobem para aproximadamente R$ 9.500 (segundo tenente) e R$ 10.500 (primeiro tenente). O SMV pode atingir duração máxima de oito anos, com renovação do vínculo anualmente.

Como se inscrever

Com taxa de R$ 127, as inscrições para o concurso Marinha podem ser registradas até 4 de novembro, mediante o preenchimento de formulário disponível no endereço www.marinha.mil.br.

Ao acessar a página, os candidatos devem selecionar o Distrito Naval de seu interesse para completar o cadastro de participação. São eles:

  • 1º Distrito Naval (Rio de Janeiro, Espírito Santo e sudeste de Minas Gerais)
  • 2º Distrito Naval (Bahia, Sergipe e norte e sudoeste de Minas gerais)
  • 3º Distrito Naval (Pernambuco, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba e Alagoas)
  • 4º Distrito Naval (Pará, Amapá, Maranhão e Piauí)
  • 5º Distrito Naval (Rio Grande do Sul e Santa Catarina)
  • 6º Distrito Naval (Mato Grosso e Mato Grosso do Sul)
  • 7º Distrito Naval (Distrito Federal, Tocantins e Goiás)
  • 8º Distrito Naval (São Paulo, Paraná e sul de Minas Gerais)
  • 9º Distrito Naval (Amazonas, Rondônia, Acre, Roraima)

Concurso Marinha: o que vai cair na prova

Em 9 de fevereiro, os candidatos farão prova objetiva com 50 questões de múltipla escolha abordando conteúdos sobre língua portuguesa e conhecimentos profissionais ou militares-navais. As demais etapas incluem:

  • verificação documental e de dados biográficos;
  • inspeção de saúde;
  • teste físico;
  • análise de títulos;

+++ O JC Concursos disponibiliza mais detalhes sobre o editais na página do concurso Marinha

Dicas de estudo para o concurso Marinha

Sobre Marinha – Marinha do Brasil

Marinha do Brasil pertence as Forças Armadas do Brasil e é responsável por conduzir operações navais. É a maior da América do Sul e da América Latina e a segunda maior da América, depois da Marinha dos Estados Unidos.

A Marinha esteve envolvida na guerra de independência do Brasil. Por volta de 1880, a Armada Imperial Brasileira era a mais poderosa da América do Sul. Após a rebelião naval de 1893, houve um hiato em seu desenvolvimento, até 1905, quando o Brasil adquiriu dois dos dreadnoughts mais poderosos e avançados da época, o que provocou uma corrida armamentista naval com as nações vizinhas, sobretudo a Argentina e Chile. A Marinha do Brasil participou na Primeira Guerra Mundial e na Segunda Guerra Mundial, participando de patrulhas anti-submarinos no Atlântico.

concursos abertosconcursos 2019provas anteriores

Fonte Oficial: JC Concursos.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Boletim Concursos.

Comentários