O Tribunal Regional Eleitoral vai abrir um novo edital de concurso público (Concurso TRE 2019) para nível médio em breve. Foi divulgado no Diário Oficial da União, a comissão que será responsável pelo certame. O concurso vai contar com vagas para técnicos, com requisito de nível médio. Os salários poderão chegar a até R$9.608,52.

O órgão divulgou no Diário Oficial desta terça-feira, 08 de outubro, o resultado da sessão de dispensa de licitação realizada para a escolha da banca organizadora do certame.

De acordo com o documento, o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC) ficou em primeiro lugar e foi declarado vencedor e habilitado no certame. Além da banca, apresentaram propostas o Instituto Americano de Desenvolvimento (IADES) e a Fundação Getúlio Vargas (FGV), que ficaram em 2º e 3º lugar, respectivamente.

A oficialização da banca organizadora deve ocorrer após o prazo para interposição de recursos, de cinco dias úteis.

O objetivo do órgão é concluir a realização do concurso até as próximas eleições municipais. Assim, os novos servidores poderão reforçar o quadro de pessoal do TRE-PA nas próximas eleições.

De acordo com o presidente da comissão, Rodrigo Augusto Valdez, dois cargos já estão confirmados para esse concurso: analista judiciário – área judiciária (exige nível superior em direito) e técnico judiciário – área administrativa (exige nível médio). As informações foram passadas ao site Folha Dirigida.

Ainda de acordo com informações passadas pelo presidente à assessoria de imprensa do órgão, as oportunidades do concurso serão destinadas para lotação nas zonas eleitorais do interior do Estado. No momento, o órgão não conta com concurso válido. No entanto, o presidente da comissão reconheceu a necessidade de preenchimento dos cargos vagos no órgão.

O objetivo do tribunal é realizar o concurso o quanto antes. “Neste momento estamos realizando um detalhado levantamento interno acerca da quantidade de cargos que poderão integrar o edital do concurso, que também formará um cadastro reserva, com cuidado para não disponibilizar, neste momento, vagas cujo provimento está suspenso como parte dos cargos vagos em razão de aposentarias, por exemplo”, disse o presidente.

Além deste concurso, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirmou que existe previsão de autorização de novos concursos para os Tribunais Regionais Eleitorais . De acordo com informações da assessoria de imprensa do órgão, alguns estados realizarão concurso para preencher as vagas que foram autorizadas pela Portaria nº 1.091/2018. O documento alterou a de nº 671/2017 que havia suspendido o provimento de cargos na Justiça Eleitoral.

O texto (veja abaixo) prevê o preenchimento de 144 cargos, sendo 61 para técnicos judiciários e 83 para analistas judiciários. O orçamento da União, sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro, prevê 1.240 vagas, sendo 370 para criação e 870 para provimento.

  • TSE: 12 vagas, sendo 07 Analistas e 05 Técnicos;
  • TRE-AC: 02 vagas, sendo 01 Analista e 01 Técnico;
  • TRE-AL: 03 vagas, sendo 01 Analista e 02 Técnicos;
  • TRE-AM: 02 vagas, sendo 01 Analista e 01 Técnico;
  • TRE-BA: 04 vagas, sendo 01 e 03 Técnicos;
  • TRE-CE: 12 vagas, sendo 08 Analistas e 04 Técnicos;
  • TRE-DF: sem vagas para provimento;
  • TRE-ES: sem vagas para provimento;
  • TRE-GO: 02 vagas, sendo 01 Analista e 01 Técnico;
  • TRE-MA: 02 vagas, sendo 01 Analista e 01 Técnico;
  • TRE-MT: 01 vaga de Analista;
  • TRE-MS: 04 vagas, sendo 01 Analista e 03 Técnico;
  • TRE-MG: 09 vagas, sendo 03 Analista e 06 Técnico;
  • TRE-PA: 02 vagas, sendo 01 Analista e 01 Técnico;
  • TRE-PB: 02 vagas, sendo 01 Analista e 01 Técnico;
  • TRE-PR: 21 vagas, sendo 06 Analista e 15 Técnico;
  • TRE-PE: 04 vagas, sendo 01 Analista e 03 Técnico;
  • TRE-PI: 03 vagas, sendo 03 Técnico;
  • TRE-RJ: 18 vagas, sendo 08 de Analista e 10 Técnico;
  • TRE-RN: 02 vagas, sendo 02 Técnico;
  • TRE-RS: 03 vagas, sendo 01 Analista e 02 Técnico;
  • TRE-RO: 02 vagas, sendo 01 Analista e 01 Técnico;
  • TRE-SC: 03 vagas, sendo 02 Analista e 01 Técnico;
  • TRE-SP: 22 vagas, sendo 10 Analista e 12 Técnico;
  • TRE-SE: 02 vagas, sendo 01 Analista e 01 Técnico;
  • TRE-TO: 06 vagas, sendo 03 Analista e 03 Técnico;
  • TRE-RR: 01 vaga para Técnico;
  • TRE-AP: sem vagas para provimento

O concurso TRE PA 2019

O concurso TRE-PA 2019 vai contar com vagas para técnicos e analistas, em várias áreas. Para técnicos, as oportunidades devem ser abertas para área Administrativa, com requisito de nível médio, e Segurança/Transporte, com exigência de nível médio e carteira de habilitação nas categorias D ou E. Os salários chegam a R$8.501,45, com exceção da área de Segurança e Transporte, que tem ganhos de R$9.608,52.

Os valores já contam com o auxílio-alimentação e as gratificações de Atividade Judiciária (GAJ) e de Atividade Externa (GAE), esta específica para área de Segurança e Transporte.

Para analistas, o concurso deve oferecer vagas para as áreas Administrativa (graduados em qualquer área) e Judiciária (formados em Direito). A expectativa é que o concurso também oferte vagas para o cargo de analista (Oficial de Justiça), também para formados em Direito. O salário dos analistas podem chegar a até R$13.345,38, com exceção do oficial de justiça, que terá ganhos de R$16.719,66.

Os valores também já conta com o auxílio-alimentação e as gratificações de Atividade Judiciária (GAJ) e de Atividade Externa (GAE), esta específica para área de Oficial de Justiça.

A portaria prevê o preenchimento de 02 vagas para o TRE-PA, sendo uma para técnico e uma para analista. No entanto, o concurso deve contar com mais oportunidades, visto que há 13 cargos vagos no tribunal, sendo 07 de técnicos e 06 de analistas. As informações são do Portal de Transparência do TRE-PA.

Há ainda, a possibilidade do concurso oferecer vagas em cadastro reserva, visando contratação conforme necessidade.

Último edital foi divulgado em 2013

O último edital de concurso do TRE-PA foi divulgado em 2013, quando contou com 08 vagas, além de cadastro reserva, para técnicos e analistas. As vagas de técnicos foram destinadas para as áreas Administrativa, de nível médio, e Operação de Computadores e Programação de Sistemas, de nível médio/técnico. O certame foi organizado pelo IADES.

Para analista, o edital trouxe vagas para área administrativa, com requisito de nível superior em qualquer área, Judiciária (graduação em Direito) e apoio especializado (distribuídas entre as áreas de Engenharia Elétrica, Análise de Sistemas, Taquigrafia e Medicina).

Os candidatos foram avaliados através de prova objetiva e, no caso dos analistas, avaliação discursiva também. A avaliação objetiva contou com 60 questões, sendo 20 de Conhecimentos Gerais (distribuídas entre Língua Portuguesa, Noções de Informática, Normas aplicáveis aos servidores públicos federais e Regimento Interno do TRE-PA) e 40 de Conhecimentos Específicos.

A avaliação discursiva foi realizada no mesmo dia da avaliação objetiva, apenas para o cargo de analista.

Informações do concurso
  • Concurso: Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA)
  • Banca organizadora: a definir
  • Escolaridade: médio e superior
  • Número de vagas: a definir
  • Remuneração: até R$16.719,66
  • Inscrições: a definir
  • Taxa de Inscrição: a definir
  • Provas: a definir
  • Situação: PREVISTO
  • Link do último edital.

Fonte Oficial: Notícias Concursos.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Boletim Concursos.

Comentários