Divulgação/TCM/RJ

Foi autorizada a realização do novo concurso público do Tribunal de Contas do Município do Rio de Janeiro (TCM/RJ). O número de vagas não foi divulgado ainda, mas serão para o cargo de auditor de controle externo. A autorização foi publicada através do Diário Oficial do Município

 

De acordo com a publicação, “será editada deliberação reforçando em cinco cargos essa especialidade, com compensação de dois cargos de especialidade em direito, um de especialidade em engenharia e dois cargos de auditores sem especificação de especialidade”. 

Também já foi definida a comissão organizadora que irá promover ações necessárias para realização do certame. A remuneração atual do cargo varia de R$ 1.740,51 a R$ 2.356,81. 

Cargo

Para assumir o cargo de auditor é necessário ter idade mínima de 35 anos e máxima de 65 anos, ter ensino superior completo e contar mais de 10 anos de exercício ou de efetiva atividade profissional que exija conhecimentos jurídicos, contábeis, econômicos e financeiros ou de administração pública.

Dentre as atribuições está exercer, no caso de vacância, as funções do cargo de Conselheiro, substituir o Conselheiro em seus impedimentos e ausências por motivo de licença, férias ou outro afastamento legal, auxiliar o Presidente no exercício de suas atribuições quando requisitado e exercer outras atividades inerentes ao cargo.

Último concurso

Em 2008 foi realizado o último concurso do Tribunal e ofertou quatro vagas para o cargo de auditor. A Fundação Getúlio Vargas (FGV) foi a banca organizadora do certame. Os aprovados exerceram jornadas de trabalho de 40 horas semanais.

A seleção foi realizada por prova objetiva com disciplinas de contabilidade geral e publica, auditoria, controle externo, economia, administração e direito – financeiro, constitucional, administrativo, empresarial, previdenciário, penal e civil. Também houve provas discursivas, oral e avaliação de títulos. 

Fonte Oficial: CorreioWeb.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Boletim Concursos.

Comentários